É possível evitar queda de cabelo em excesso?

evitar queda de cabelo em excesso

Como já explicamos no texto sobre o Ciclo do Cabelo, todos os dias nós perdemos de 100 a 150 fios de cabelo, e isso é perfeitamente normal.

Alguns fatores externos e internos podem acabar agravando a queda de cabelo, mas isso não significa que a gente não possa dar uma “ajudinha” pra você saber como manter tudo dentro do normal. Confira nossas dicas:

  • Cuidado com a temperatura. Temperaturas altas demais podem danificar os fios ou o couro cabeludo, então, procure não exagerar com o uso de chapinhas e secadores e tome banho com a água em temperaturas mais amenas.
  • Não use penteados muito apertados por longos períodos de tempo. Penteados que puxam bastante o cabelo podem causar danos à raiz e também a quebra dos fios, a chamada de alopecia por tração. Se os fios já estiverem enfraquecidos, penteados muito apertados podem até causar falhas no couro cabeludo.
  • Procure ter uma dieta balanceada. Já demos a dica por aqui de alguns alimentos que são ricos em ácido pantotênico e auxiliam na saúde e no fortalecimento dos seus fios. Procure ingerir esse alimentos e cuide do seu cabelo de dentro para fora.
  • Relaxe! O estresse emocional pode induzir ou agravar a perda de cabelo. Procure ter momentos mais tranquilos no seu dia a dia, seus cabelos agradecem.
  • Pratique atividades físicas. Junto com a diminuição do estresse, essa dica forma um combo campeão. Além de ser saudável e recomendado, o exercício libera endorfinas no seu corpo, substâncias que acabam aumentando a sensação de relaxamento da tensão e diminuindo o estresse. A prática de atividades físicas regulares também contribui para uma circulação sanguínea adequada, que, por sua vez, auxilia na manutenção da saúde do couro cabeludo.

Que tal uma dica extra?

Com apenas 1 comprimido de Tacitá por dia, proporcionando suplementação de vitaminas e minerais, seus cabelos (e unhas) recebem auxílio para o crescimento saudável, “de ponta a ponta”.

Procure fazer acompanhamento médico com frequência. Condições médicas como hipotireoidismo, hipertireoidismo, insuficiência renal e hepática podem causar queda de cabelo.

Referências

  1. Harrison S, Bergfeld W. Diffuse hair loss: its triggers and management. Cleve Clin J Med. 2009;76(6):361–367.
  2. Jain PK, Joshi H, Dass DJ. Drug that Causes Hair Loss and Promotes Hair Growth – A Review. Int. J. Res. Pharm. Biom. Sciences. 2012; 3(4):1476-82.
  3. Horev L. Environmental and cosmetic factors in hair loss and destruction. Curr Probl Dermatol. 2007;35:103-117.
  4. Qi J, Garza LA. An overview of alopecias. Cold Spring Harb Perspect Med. 2014 Mar 1;4(3):1-14.
  5. Combs Jr. GF. Pantothenic Acid. In: Combs Jr., GF. The Vitamins. 3ª ed. United States of America: Elsevier; 2008. cap. 15, p. 345-54.
  6. Lee WS, Oh TH, Chun SH, Jeon SY, Lee EY, Lee S, et al. Integral lipid in human hair follicle. J Investig Dermatol Symp Proc. 2005;10(3):234-7.
  7. Hadshiew IM, Foitzik K, Arck PC, Paus R. Burden of hair loss: stress and the underestimated psychosocial impact of telogen effluvium and androgenetic alopecia. J Invest Dermatol. 2004 Sep;123(3):455-7.
  8. Salmon P. Effects of physical exercise on anxiety, depression, and sensitivity to stress: a unifying theory. Clin Psychol Rev. 2001 Feb;21(1):33-61.
  9. Tacitá. Informações de embalagem.
  10. Lee Y, Kim YD, Hyun HJ, Pi L, Jin X, Lee WS. Hair shaft damage from heat and drying time of hair dryer. Ann Dermatol. 2011;23(4): 455-62.
  11. Klemp P, Peters K, Hansted B. Subcutaneous blood flow in early male pattern baldness. J Invest Dermatol. 1989;92(5):725-6.
  12. Warburton DE, Nicol CW, Bredin SS. Health benefits of physical activity: the evidence. CMAJ. 2006;174(6):801-9.
  13. Billero V, Miteva M. Traction alopecia: the root of the problem. Clin Cosmet Investig Dermatol. 2018;11:149-59.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *