Anemia causa queda de cabelo?

anemia

É importante ter cuidado com as dietas radicais.

Adora uma dieta radical? É bom ter cuidado.

Preocupadas com os quilinhos a mais, muitas vezes, as pessoas se submetem a restrições alimentares que podem prejudicar muito o organismo.

A carência de vitaminas e minerais pode causar queda de cabelos.

A “má nutrição” pode ser devida a dietas radicais, consumo de alimentos que não fornecem aporte nutricional adequado (dentre elas o fast food), doenças que causam absorção inadequada de nutrientes, entre outros fatores.

Por isso, é bom manter hábitos alimentares saudáveis com frutas, legumes e verduras que ajudam a manter a pele, unha e cabelos saudáveis.

A prática de exercícios também contribui de um modo geral para a prevenção de doenças que podem afetar o cabelo através de seus benefícios, como o aumento do fluxo sanguíneo.

Uma das doenças mais comuns que causa a queda de cabelo é a anemia.

Caracterizada pelo baixo nível de hemoglobina no sangue, resultado da deficiência de alguns nutrientes e também por fatores genéticos, a anemia apresenta diferentes sintomas, incluindo a queda de cabelo nas mulheres e homens.

É necessário buscar ajuda médica para o tratamento adequado da anemia, que pode incluir a suplementação vitamínica e mineral.

Além do ferro, que é um mineral, existem vitaminas importantes que contribuem em processos metabólicos que regulam o ciclo capilar, dentre elas, a vitamina B12 e a vitamina C, que embora menos comuns, a sua deficiência também pode levar a anemia.

Confira alguns alimentos que possuem “vitaminas e minerais importantes” para o cabelo:

Ovo

Rico em vitaminas do complexo B que auxiliam na saúde dos cabelos e contribuem para seu crescimento na fase anágena, também conhecida como fase de formação de novas fibras de cabelo.

Peixes

Alguns peixes como a tilápia, entre outros, possui vitamina B1, que é importante para a circulação sanguínea. Sua deficiência pode impactar no fluxo sanguíneo no couro cabeludo.

Níveis adequados contribuem para a saúde circulatória, podendo impactar no fornecimento de oxigênio para os folículos pilosos e assim no processo de crescimento dos fios.

Banana

Alimento rico em magnésio, componente essencial para o funcionamento da enzima SOD-2 (superóxido dismutase 2), a qual possui atividade antioxidante e atua então no processo “antienvelhecimento” no folículo piloso.

A deficiência de magnésio impacta na saúde dos cabelos e níveis adequados ajudam a mantê-los saudáveis.

Espinafre

Quando os folículos pilosos não recebem a quantidade necessária de oxigênio e nutrientes através da microcirculação, os fios tornam-se mais frágeis e podem cair mais facilmente.

O ferro vindo do espinafre, em níveis adequados, ajuda a manter um bom fornecimento de oxigênio no sangue e pode contribuir na produção de queratina.

Cenoura

Tanto a falta quanto o excesso de vitamina A podem ser prejudiciais para o organismo, incluindo os cabelos.

Assim como para outras vitaminas e minerais, a suplementação é exceção e não regra, devendo ser orientada por um médico de acordo com necessidades individuais.

Para saber mais sobre vitaminas e minerais, leia esta matéria.

E agora que você já conhece uma importante causa da queda de cabelo, baixe grátis aqui o infográfico com números e estatísticas curiosas sobre cabelos e se torne um expert.

Importante: este produto não substitui uma alimentação equilibrada e seu consumo deve ser orientado por nutricionista ou médico. Crianças, gestantes, idosos e portadores de qualquer enfermidade devem consultar o médico ou nutricionista. Consumir este produto conforme recomendação de ingestão diária constante na embalagem.Produto dispensado de Registro conforme RDC Nº 27/2010.

Não contém glúten.

Este produto não é um medicamento.
Não exceder a recomendação diária de consumo indicada na embalagem.
Mantenha fora do alcance de crianças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *